Total de visualizações de página

sexta-feira, 25 de maio de 2012

COLETA DE AMOSTRAS - PARÂMETROS E CRITÉRIOS DE AMOSTRAGEM

O presente manual, confeccionado pela Fundação Ezequiel Dias - FUNED, tem como objetivo, além de orientar, estabelecer e divulgar as Normas de Procedimentos para Coleta, quantidade ideal, acondicionamento e embalagem para encaminhamento de amostras aos Laboratórios Centrais - LACENs, de acordo com as disposições da legislação em vigor e com a finalidade de se obter resultados confiáveis.
O cumprimento dessas normas possibilitará a racionalização do trabalho e garantirá a execução de ações eficazes no controle da qualidade dos produtos recebidos no laboratório.
Com a implementação e divulgação de legislações como instrumentos de defesa da saúde da população, através do Código de Defesa do Consumidor, dos Códigos Sanitários dos Estados e Municípios, o consumidor tornou-se mais exigente e conhecedor dos seus direitos, no que tange à qualidade dos produtos e insumos disponíveis no mercado.
E no contexto do Sistema de Vigilância Sanitária, buscando assegurar aos cidadãos, produtos que atendam aos requisitos da garantia da qualidade, citamos quatro alicerces, interligados que contribuem para maior eficácia às ações de Vigilância Sanitária:
- Registro prévio dos produtos à sua colocação no mercado;
- Inspeção para verificação das Boas Práticas de Fabricação;
- Controle da Qualidade de Insumos e Produtos;
- Monitoramento dos produtos no mercado.
A Vigilância Sanitária deverá estar apta para efetuar o trabalho de campo, avaliar e precisar sobre o motivo da coleta, contribuindo assim na eficácia da análise laboratorial, tanto no nível da coleta das amostras quanto na análise propriamente dita. Deverá ainda saber utilizar os resultados analíticos para a tomada de ações preventivas e corretivas adequadas.
O presente Manual de Coleta de Amostras tem como objetivo orientar e constituir uma fonte de consulta aos seus usuários, visando prestar um serviço com qualidade, segurança e agilidade.
Este documento se aplica às atividades relacionadas à apreensão, coleta e envio de amostras sob responsabilidade da Vigilância Sanitária. Clique aqui para fazer o download da publicação!
Fonte: Fundação Ezequiel Dias

Dr. Hebert Andrade Ribeiro Filho
Diretor de Vigilância Sanitária de Itumbiara

Nenhum comentário:

Postar um comentário