Total de visualizações de página

quinta-feira, 19 de abril de 2012

VIGILÂNCIA SANITÁRIA E CENTRO DE CONTROLE DE ZOONOSES - ADOTE UM AMIGO!

O Centro de Controle de Zoonoses (CCZ), ligado à Vigilância Sanitária de Itumbiara, é o órgão responsável pelo controle de agravos e doenças transmitidas por animais (zoonoses), através do controle de populações de animais domésticos (cães, gatos e animais de grande porte). As atividades desenvolvidas pelo Centro de Controle de Zoonoses do Município de Itumbiara estão intrinsecamente relacionadas com as questões ambientais e a saúde coletiva. A população animal no meio urbano é diversificada: cães e gatos domiciliados e centenas de cães e gatos abandonados.
O aumento da população de animais, principalmente cães e gatos em centros urbanos, ocasiona inúmeros problemas: transmissão de zoonoses, como raiva, leptospirose, leishmaniose, entre outras; agressões envolvendo pessoas ou outros animais; contaminação ambiental por dejetos e pelos e dispersão de lixo; distúrbios de trânsito de veículos, determinantes de acidentes, atropelamentos; danos à propriedade pública ou particular.
O controle destas populações representa um desafio constante para todas as sociedades, independentemente do grau de desenvolvimento sócio-econômico, devido ao grande laço afetivo que caracteriza a relação do homem com animais, sejam de raça ou não, filhotes ou velhos, machos ou fêmeas, soltos ou domiciliados.
          Objetivando diminuir a população de cães e gatos abandonados, no Município de Itumbiara e, consequentemente, o risco potencial de agravos causados à saúde da população humana por eles, o Centro de Controle de Zoonoses busca desenvolver ações educativas visando o esclarecimento da população com relação aos conteúdos necessários para a prevenção e controle de zoonoses, bem como a atuação consciente e competente nas transformações da realidade para a melhoria das condições e qualidade de vida.
O grande desafio que se apresenta atualmente para o Centro de Controle de Zoonoses de Itumbiara se dá no desenvolvimento de ações para o controle das populações de animais abandonados, através de programas de apreensão de animais errantes realizado pela carrocinha (foto), vacinação massiva contra a raiva, registro de animais, adoção, doação para entidades de proteção animal, educação em saúde e, em última hipótese, eutanásia de animais remanescentes.
Em Itumbiara, a realidade tem mostrado que o controle da população de animais, principalmente aqueles que depois serão abandonados, somente alcançará resultados se houver ampla e efetiva participação da sociedade envolvendo proprietários de animais assumindo posturas de posse responsável; entidades de proteção animal difundindo o respeito à vida animal e projetos educativos de controle de natalidade de populações animais, além de fiscalização e da aplicação da legislação vigente.
Dr. Hebert Andrade Ribeiro Filho
Diretor de Vigilância Sanitária de Itumbiara

Nenhum comentário:

Postar um comentário